Category

POLÍCIA

Category

O delegado responsável pela investigação disse que o caso aconteceu no último domingo (17), em Alagoa Nova

Se entregou à polícia, na tarde desta terça-feira (19), uma mulher de 43 anos que afirmou ter matado um homem a golpes de faca, no município de Alagoa Nova, agreste paraibano. O delegado afirmou que a mulher alegou ter se defendido de uma tentativa de assédio sexual.

Henry Fábio, delegado responsável pela investigação, disse que o caso aconteceu no último domingo (17), por volta das 20h. Segundo o depoimento, a mulher estava em um bar da cidade quando o homem, de 42 anos, chegou ao local com sintomas de embriaguez e tentou assediá-la. O delegado afirmou que a mulher, para se defender, ela o atingiu com um golpe de faca no braço. No dia seguinte, o corpo do homem foi encontrado próximo ao local.

A era considerada foragida desde o dia do crime. Após investigações, a polícia conversou com a família, que informou que ela iria se entregar. Na tarde da terça (19), a mulher se apresentou, com um advogado, na Delegacia no município de Esperança.

Fonte: Portalt5

Conforme a PM, grupo realizava os roubos para desmanches e para a prática de assaltos a comércios e pessoas, principalmente em bairros da Zona Sul da capital.
Cinco homens e uma mulher foram presos em flagrante, suspeitos de integrarem uma quadrilha de roubos de carros em João Pessoa, nesta quarta-feira (20). De acordo com a Polícia Militar, o grupo realizava os roubos para desmanches e, também, para a prática de assaltos a comércios e pessoas, principalmente em bairros da Zona Sul da capital.

Ainda conforme a PM, a operação aconteceu nos bairros de Gramame, Valentina e Muçumagro, que seriam os pontos de apoio do grupo, que vinha agindo há pelo menos dois meses em João Pessoa.

Com os suspeitos, foram recuperados quatro veículos roubados, peças de outros automóveis e apreendido um revólver. Os veículos estariam envolvidos em vários assaltos registrados em bairros da capital, conforme a PM.

Os presos, de acordo com a PM, foram: um homem de 31 anos, que já respondeu por tráfico no Rio Grande do Norte; um jovem de 19 anos, com passagens pela polícia por tráfico e porte ilegal de arma; outro homem de 39 anos, com passagem pela polícia por arrombamento e uma mulher de 28 anos, que passou dois anos presa por roubo e havia saído há dois meses do presídio, além de outros dois homens, de 49 e 18 anos.

Fonte: G1PB

Uma adolescente de 13 anos foi baleada na noite desta quarta-feira (20), no bairro de Mandacaru, em João Pessoa, depois de um assalto. Ela estava com amigos na calçada de casa, quando dois homens armados chegaram em uma moto e anunciaram o assalto.

O caso aconteceu na rua 18 de Maio. Os homens roubaram todos os celulares das vítimas. Na fuga, o suspeito que estava na garupa da moto virou para trás e atirou. A adolescente de 13 anos foi atingida no braço esquerdo. Segundo a Polícia Militar, os adolescentes não haviam reagido ao assalto.

A vítima foi socorrida no local por familiares e levada para o Hospital de Emergência e Trauma de João Pessoa. Na unidade de saúde, ela foi atendida, passou por procedimentos de emergência e segue em observação com estado de saúde regular. Até às 6h20, nenhum suspeito do crime teria sido localizado ou preso.

Fonte: G1PB

Um homem de 45 anos, que estava foragido da polícia, acusado de ter estuprado uma mulher, foi preso nesta quarta-feira (20), na cidade de Pombal, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Civil, crime teria ocorrido em janeiro de 2014 e homem já havia sido condenado a pena de seis anos e três meses de prisão.

Conforme a polícia, a vítima, uma mulher de 43 anos, foi violentada após pegar uma carona com o homem para rodoviária de Pombal e ele ter mudado o itinerário, ao desviar para uma estrada de terra.

Após a violência sexual, o homem teria deixado a mulher na rodoviária e ela conseguiu pedir ajuda.

Cinco anos após o crime, o homem foi preso e encaminhado à Cadeia Pública de Pombal, onde já se encontra à disposição da justiça.

Fonte: G1PB

Na madrugada desta quarta-feira , 20, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Rio Grande do Norte prendeu uma quadrilha de assaltantes com dois carros roubados, quatro revólveres calibre 38, uma pistola calibre 380, diversas munições e um colete à prova de balas. A ocorrência se deu próximo a entrada da cidade de Monte Alegre, no Agreste Potiguar.

Os policiais deram ordem de parada para um veículo, mas o motorista iniciou uma fuga no sentido a Parnamirim, na Grande Natal. Os ocupantes do carro dispararam contra a viatura da PRF e tentaram entrar na marginal da BR-101, quando o condutor perdeu o controle e colidiu contra o muro antes de o carro capota.

Os policiais extinguiram um princípio de incêndio no motor do carro dos assaltantes e retiraram os indivíduos do veículo. Contudo, foi preciso chamar o Corpo de Bombeiros para retirar o motorista, que ficou preso às ferragens e o Samu para socorrer os feridos. Dois foram encaminhados para o Walfredo Gurgel e outros três para a Central de Flagrantes de Natal.

No momento da prisão, os homens estavam sem identificação. Porém, nos depoimentos na Polícia Judiciária, eles foram identificados. Todos são maiores de idade e residentes em Natal. O motorista que foi socorrido não resistiu aos ferimentos e morreu.

Armas, colete e munições foram apreendidos – Foto: PRF

Crimes

Por volta das 23h da segunda-feira (18), homens armados assaltaram uma lanchonete em Canguaretama, no Litoral Sul do Rio Grande do Norte, e roubaram um carro do modelo Duster.

Já na terça-feira (19), por volta das 18h, os mesmos assaltantes roubaram uma caminhonete Frontier em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal. Duas senhoras foram mantidas reféns e liberadas na entrada do monumento dos Mártires de Uruaçu.

Fonte: Portal no Ar

Três assaltantes foram presos na manhã desta quarta-feira (20) após um arrastão em uma residência, o roubo de um carro e a tentativa de roubo de outro veículo na Zona Sul de Natal.

De acordo com a Polícia Militar, o trio fez um arrastão em uma casa no bairro Potilândia. Eles colocaram televisores, computadores e outros objetos dentro de um carro da família e fugiram. Nas proximidades do Sebrae, os criminosos abandonaram o carro com os objetos roubados e seguiram a pé pela Avenida Lima e Silva onde abordaram uma família que vinha em outro veículo.

A motorista do carro e um dos passageiros conseguiram sair do veículo, mas uma senhora ficou no banco traseiro. “O carro estava andando quando eles nos abordaram. Minha irmã não conseguiu sair porque um dos bandidos já estava dentro do carro em cima dela”, disse a motorista que pediu para não ser identificada.

Os três assaltantes entraram no carro, mas antes de dar partida foram surpreendidos por policiais militares que atendiam a uma ocorrência de acidente nas proximidades.

Houve troca de tiros, um dos bandidos foi atingido e socorrido para o hospital. Os outros dois criminosos foram presos.

Fonte: G1RN

Quatro homens foram presos na madrugada desta quarta-feira (20) suspeitos de tentarem arremessar vários objetos para dentro da Penitenciário do Serrotão, em Campina Grande. De acordo com a Polícia Militar, os homens foram encontrados em uma mata próxima ao presídio com mochilas cheias de objetos para serem arremessados.

A polícia fazia rondas na região quando viu uma moto parada em um matagal. Eles saíram da viatura, foram em direção ao local e encontraram os quatro homens escondidos.

Com eles, a polícia encontrou sete pacotes de maconha, oito carregadores de celular, nove fones de ouvidos, seis baterias, três celulares, uma garrafa de bebida, 49 agulhas para tatuagem, um frasco contendo “loló” e uma moto.

Os homens e o material apreendido foram encaminhados para a Central de Polícia Civil. De acordo com a Polícia Militar, é comum que casos como esse aconteçam. No entanto, ele ressalta que os suspeitos estão mudando os horários para cometerem os crimes, por conta das abordagens policiais.

Fonte: G1PB

Um homem foi preso suspeito de tentar matar o irmão com um golpe de faca em São José de Piranhas, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Militar, após uma discussão entre eles na tarde da terça-feira (19), o suspeito atingiu a vítima com um golpe de faca na barriga e em seguida fugiu do local. A prisão aconteceu horas depois na cidade de Monte Horebe, na mesma região.

Segundo a polícia, o caso aconteceu na rua Teodolino Cavalcante, no bairro Alto da Boa Vista. Após ferir o irmão, o suspeito teria fugido do local em uma van. A vítima foi socorrida e encaminhada para o Hospital Regional de Cajazeiras.

Na noite da terça o suspeito foi localizado na cidade vizinha, Monte Horebe. Ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Cajazeiras, onde permanece detido aguardando audiência de custódia.

Fonte: G1PB

Um homem foi preso suspeito de matar o sogro a pauladas na noite desta terça-feira (19), no bairro do Cruzeiro, em Campina Grande. De acordo com a Polícia Militar, eles não tinham um bom relacionamento e acabaram se desentendendo na ponte do Cruzeiro.

Segundo o cabo, Ricardo Vieira, que acompanhou o caso, os dois homens, tanto o genro, de 26 anos, quando o sogro, de 43 anos, haviam bebido na noite de ontem, em locais diferentes, no entanto, acabaram se encontrando.

O suspeito e a filha da vítima já viviam juntos há cinco meses, mas o pai dela não aceitava. Após um desentendimento entre eles, o suspeito desferiu várias pauladas na vítima, que não conseguiu se defender e morreu no local.

O genro da vítima ainda tentou fugir, mas parentes que testemunharam a ação indicaram à polícia onde ele se encontrava. Ele foi preso ainda no local do crime.

O suspeito confessou à polícia que o motivo do crime teria sido uma acusação de estupro por parte do sogro. O homem que matou o sogro já responde por porte ilegal de arma na cidade do Conde e na manhã desta quarta-feira (20) permanece na Central de Polícia, onde aguarda por audiência de custódia.

Fonte: G1PB

Três jovens e uma mulher foram presos no fim da tarde desta terça-feira (20) suspeitos de fazer um taxista refém no Acesso Oeste, em João Pessoa. Segundo a Polícia Militar, uma equipe fazia rondas na área quando percebeu que o carro do taxista freou bruscamente.

No momento que os sequestradores perceberam a presença da polícia, um deles saiu do veículo correndo com uma arma. Nesse momento, começou uma perseguição policial e todos foram presos.

Com os suspeitos, a polícia apreendeu um celular, uma quantia em dinheiro e uma arma. Os materiais apreendidos e os suspeitos foram encaminhados para a Central de Polícia Civil, em João Pessoa.

Fonte: G1PB